Parallels Desktop 14 oferece suporte ao macOS Mojave e ocupa menos espaço que antes

Parallels Desktop 14 oferece suporte ao macOS Mojave e ocupa menos espaço que antes

21 de agosto de 2018 0 Por Tobb

Seguindo o seu calendário de atualizações como de praxe, a Parallels acaba de lançar a nova versão do seu popular software virtualizador de sistemas operacionais para Mac, o Parallels Desktop 14. Com mais de 50 novos recursos e diversas melhorias em desempenho, suporte gráfico e outras tecnologias, a nova versão está pronta para o macOS Mojave e também para as últimas versões dos sistemas operacionais mais populares.

Otimização de armazenamento aprimorada

Nesta atualização do virtualizador, o grande foco foi a otimização do armazenamento, que agora ocupa menos do que as versões anteriores, podendo chegar a mais de 20GB de espaço poupado – dependendo das configurações feitas. Além disso, os desenvolvedores otimizaram a compactação de memória com a ferramenta Snapshots, que consegue liberar, em média, 15% de espaço de armazenamento.

Otimização de armazenamento do Parallels Desktop 14

Um novo assistente também indica e fornece sugestões aos usuários sobre como economizar ainda mais espaço no seu computador, oferecendo informações acerca do gerenciamento de várias máquinas virtuais, entre outros.

Suporte ao Windows Ink no Mac

Com o Parallels Desktop 14, é possível utilizar o Microsoft Ink para editar documentos do Microsoft Office para Windows em um Mac, incluindo suporte sensível à pressão em aplicativos como PowerPoint, CorelDRAW, Fresh Paint, Photoshop e outros softwares diversos para Windows.

Microsoft Ink no Parallels Desktop 14

Assistente de configuração da Touch Bar

Ainda que o suporte à Touch Bar do MacBook Pro tenha sido introduzido na versão 13 do Parallels Desktop, não era possível definir pré-configurações para acessá-las mais rapidamente através dessa ferramenta dos notebooks da Maçã.

Nesta nova versão, foram adicionadas vários configurações pré-definidas para o Microsoft Visio e OneNote, SketchUp, AutoCAD, Revit, Quicken, QuickBooks e Visual Studio. Se o software que você mais utiliza não entrou nessa lista, não se preocupe: com o assistente de configuração da Touch Bar do Parallels Desktop 14, é possível configurar qualquer aplicativo do Windows que desejar.

Suporte gráfico aprimorado e melhorias na performance

No geral, o Parallels Desktop 14 inclui diversas melhorias tanto gráficas quanto de perfomance. Entre essas:

  • Suporte aperfeiçoado ao OpenGL para melhores gráficos, com melhorias notáveis no SketchUp 2017/2018, no CTVox, no DIALux 8 e no OriginLab;
  • Melhor taxa de quadros em videoconferências e nova tecnologia de câmera compartilhada com suporte a resoluções de até 4K;
  • Desempenho até 200% maior no iMac Pro em diversas tarefas (codificação de áudio e vídeo, modelagem 3D, criptografia);
  • Inicialização até 80% mais rápida.

Veja tudo o que há de novo no seguinte vídeo:

·   •   ·

O Parallels Desktop 14 para Mac já está disponível para aqueles que já possuem as versões 12 e 13 do software, bastando atualizar o aplicativo por US$50. Novos clientes podem testar o app por 14 dias e assiná-lo por US$80/ano, ou então efetuar uma compra única por US$100. Lembrando que a licença para o Windows não está incluída e deve ser comprada separadamente.

Para rodar o Parallels Desktop, é necessário que o Mac possua um processador Intel Core 2 Duo ou posterior, esteja rodando pelo menos o OS X El Capitan 10.11.6 e tenha, no mínimo, 4GB de RAM e 600MB de espaço disponível em disco.